Shondanás ataca novamente.

Sim, esse é outro post cheio de spoilers sobre outra season finale de outro seriado que eu acompanho: Grey’s Anatomy.

greys
Nos dois dias que eu demorei pra conseguir assistir essa finale (que foi ao ar na quinta passada), vi tanto comentário enlouquecido, que preciso dize uma coisa apenas: vocês me decepcionam!
Tanta gente falando de tragédia e não-sei-mais-o-quê, e de tragédia mesmo eu só vi o acidente do ônibus. E, claro, o fim de Calzona, que é triste, mas vamos ser sinceros: we saw it coming. Arizona nunca perdoou a Callie por causa da amputação. É, minha gente, eu sei que é tenso. Fazer o quê. E depois, chamaram Hilarie Burton pra trazer à vida uma releitura da minha amada Peyton Sawyer e ela é linda, ela é loura, ela tem uma risada que vamos combinar. Ela é um problemão para casamentos em crise. Como eu disse, nós podíamos prever isso aí. E o pior: eu quero demais que a Lauren passe a ser regular. Pronto, falei.

Peyton Sawyer destruidora de relacionamentos reencarnada

Meredith tendo o bebê e quase morrendo mais uma vez. Pensei que Shonda ia pegar leve com a Mer nessa finale, porque afinal de contas a temporada anterior terminou com ela no meio do mato, a irmã morta, todo mundo bem fodido, mas Shondanás é Shondanás por um motivo. Lógico que a gente tinha a mais absoluta certeza de que ela não ia morrer simplesmente porque ela é a personagem principal desta bodega, mas dá um nervoso, não dá? hahaha. E eu gostei dessa parte do episódio, também. Mer gritando com o Ross, Bailey finalmente de volta à O.R. pra salvar a pupila, Cristina de mãos dadas com Derek, Mer desmaiando, Ross pirando, Bailey parando no meio da notícia e o nosso coração dando pulinhos de WTF, BAILEY? CE MATOU ELA? Enfim. Eletrizante.

McBaby! E o nome dele é Bailey!

E por falar na Cristina… Cristina e Owen. Teve um episódio nessa temporada, eu não lembro qual episódio, em que a Cristina falou pro Alex algo do tipo: “Eu vou perder o Owen. Não agora, mas já está acontecendo. Um dia desses, ele já vai ter ido.” Bem. Chorei. Shippei Crowen desde bem lá no comecinho. Na minha opinião, é o casal desfuncional que mais funciona junto. E é uma droga ele querer ter filhos e ela não. Ela é minha favorita da série e uma das minhas favoritas de todos os tempos, e eu espero que Shonda arrume um jeito de ela ser feliz. E rápido. Yang sabe o que quer e sabe bem o que não quer. Muita gente diz “oh, Cristina, porque você não engravida logo de uma vez blbalbla” e eu digo pra essas pessoas: calem suas bocas. Só em série ter filho é assim fácil. Ela não quer filhos porque ela não quer filhos e é um direito dela não ter filhos. FIN. E o fato de ela não mudar quem é pra agradar as outras pessoas, isso é o que faz ela ser uma das minhas favoritas. Ame-a ou deixe-a.

shoray

Japril. Peo que eu tenho lido, acho que sou a única fã de Grey’s que gosta da April. Ela partiu meu coração na cena em que o ônibus explode e todos achamos que Jackson tinha morrido. Curti muito ela ter ido procurá-lo depois. Só uma coisa me deixou desconfortável: ele disse “Você vai se casar” ao que ela respondeu “A menos que você me dê um motivo”; o que quer dizer que devemos esperar mais ou menos até o meio/final da próxima temporada pra o Jackson resolver que quer ela de volta e dizer isso às vésperas do casamento com o Mathew, apenas porque esse é o jeitinho da Shonda.

Jackson, até eu te quiero

Jalex. FINALMENTE, SENHORAS E SENHORES. Finalmente Alex encontrou uma moça que tem tanta bagagem estranha quanto ele, faz tanta cagada quanto ele, faz tanto mea culpa quanto ele. E finalmente ele disse que a amava. E finalmente eles se beijaram. Aleluia.

Quanto ao Webber: ele é excelente. Amo o personagem, é claro. Mas eu não estou preocupada com ele. James Pickens tem o contrato assinado até o final da próxima temporada e, se não fosse por isso, o Richard quase não tem tanto destaque mais. Não é mais o chief, a mulher dele já morreu (RIP Adele), então o quê mais? Nessa finale, ficou óbvio que ele ganhou mais destaque no plot do ataque de nervos da Bailey exatamente porque causa dessa acidente. Shonda má! Não vejo porque ele morreria exatamente por isso, Shondita gosta de matar aqueles que mais amamos. Lógico que amamos Richard, mas a perda dele não seria a mesma coisa que foi a perda do Mark e da Lexie, DAS QUAIS EU AINDA NÃO ME RECUPEREI. NUNCA ESQUECEREI DR MCSTEAMY. JAMAIS DEIXAREI DE AMAR LEXIPEDIA.

E é isso.
Te vejo em setembro, Grey’s Anatomy!

P.S.: Adiciona eu no orangotag!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s